Desenho industrial e design: qual a diferença?  Como funciona o registro?
  • Registro de Marcas e Patentes.

Desenho industrial e design: qual a diferença? 

desenho industrial e design

Desenho industrial e design: qual a diferença? 

O Português é uma língua viva. Por esse motivo, com o passar do tempo, algumas denominações surgem, outras caem em desuso ou adquirem outros significados. Essa é uma característica comum de qualquer língua, e em um país tão grande e diversificado como o Brasil esse processo é ainda mais intenso. 

Com o passar do tempo, essas variações e mudanças podem acabar confundindo muita gente. Esse é o caso dos termos “desenho industrial” e “design”, que se confundem bastante nos dias de hoje, principalmente no âmbito acadêmico.

Mas, afinal, qual é a diferença entre desenho industrial e design. Nesse artigo falaremos mais sobre essas questões! Aqui você irá encontrar: 

  • Desenho industrial e design: qual a diferença? 
  • Diferença entre curso de desenho industrial e curso de design; 
  • Como registrar um design? 
  • Como registrar um desenho industrial? 

Desenho industrial e design: qual a diferença? 

O desenho industrial e o design são termos constantemente confundidos. Não é para menos, já que os dois dizem respeito ao desenho e criações visuais. No entanto, é possível diferenciá-los de acordo com o objetivo de cada um. 

desenho industrial e design

O desenho industrial é um termo que, embora não seja comumente utilizado no dia a dia, ainda é tido como oficial em cursos técnicos e de graduação, além de órgãos oficiais, como o CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e o INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial). 

Ele diz respeito ao trabalho de um profissional que cria e desenvolve diversos tipos de produtos com objetivo de produção industrial. Pense em uma simples cadeira, por exemplo. Embora todas tenham que seguir um padrão, cada uma possui formatos, cores e aplicações diferentes. O trabalho de um desenhista industrial é realizar esses desenhos, de forma que combine com os ideais da empresa e sejam úteis. 

Grande parte da confusão entre os dois termos está relacionada com o fato de que, com o passar do tempo, foram atribuídos novos significados à palavra “design”. Assim, o que conhecemos como desenho industrial se transformou, no senso comum, em design de produto. 

Dessa forma, é possível concluir que design é um termo mais abrangente, que além desse significado, pode englobar outras áreas. A criação de logomarcas, sites e identidades visuais, por exemplo, também pode ser chamada de design, assim como a realização de peças gráficas (que podem ter diversas finalidades diferentes). 

Diferença entre curso de desenho industrial e curso de design 

O desenho é uma habilidade nobre, que pode ser utilizada em diferentes áreas profissionais, como o desenho industrial e o design. Mas, afinal, qual a diferença entre esses cursos? 

Para responder essa pergunta, basta voltarmos ao tópico anterior. O curso de desenho industrial, encontrado em diversas faculdades pelo Brasil, é voltado para a criação e desenvolvimento de produtos com o objetivo de produção industrial. Assim, matérias como princípios mecânicos e teorias de fabricação são comuns. 

Por outro lado, o curso de design abrange, geralmente, a área voltada para a comunicação visual. Em suma, a criação de logomarcas, peças gráficas e páginas na internet são tópicos comuns. Nesse segmento, é habitual que os alunos tenham matérias como ilustração, fotografia e softwares de edição de imagens e vídeos. 

Como registrar um design? 

desenho industrial e design

Como falado anteriormente, o termo “design” atualmente é bem mais abrangente. Dessa forma, se falarmos em registro de design, precisamos pensar exatamente do que estamos falando. Peças gráficas, em sua grande maioria, não podem ser registradas. 

Já o registro de logotipos é bem comum. Conhecido como registro de marca, é feito através do Instituto Nacional da Propriedade Industrial. INPI, e pode proteger tanto o logo quanto o nome de um produto, serviço ou empresa. 

Para saber mais sobre o registro de marca, como ele funciona e como fazer, clique aqui! 

Como registrar um desenho industrial? 

A criação de algo completamente novo, nunca feito anteriormente, pode se tornar uma patente. Dessa forma, apenas o titular teria os direitos, tanto comerciais quanto de utilização, daquele produto. No entanto, muitos itens são de uso comum no dia a dia e, assim, não são passíveis de patente, qualquer um pode fabricar ou comercializar. 

Nesse caso, como proteger o desenho, por exemplo, de uma cadeira? Existe um processo criativo por trás desse produto. 

Essa proteção é feita pelo registro de desenho industrial. Esse também é um processo realizado através do INPI. É um procedimento técnico, que envolve diversas etapas e, por isso, é importante contar com ajuda de profissionais especializados. 

Confira mais informações sobre o registro de desenho industrial clicando aqui! 

Author: Registro de Marcas e Patentes

Nosso objetivo é garantir a segurança da sua marca. Com todos os processos legais necessários. Além disso, fiscalizar e encontrar possíveis casos de plágio e uso indevido da sua marca.